"A Educação é a base de tudo, e a Cultura é a base da Educação"

Seja Bem-Vindo e faça uma boa pesquisa!

domingo, 19 de julho de 2009

- Blumenau Esporte Clube e História

Fotos aniversário do BEC (86 anos) comemorado em 2005 na Catedral São Paulo Apóstolo. Neste dia foi realizado um abaixo assinado solicitando a volta do BEC. No espaço aproximado de 5 horas, foram coletadas quase 1000 assinaturas, prova que o povo de Blumenau ama e quer o BEC de volta, e por isso nunca vamos desistir .
Amigos do BEC
- Hoje  queremos saudar os torcedores do Brasil, Palmeiras e Blumenau Esporte Clube. anos de história que não podemos deixar morrer.
A imagem de 1941, mostra o Brasil de Blumenau/Palmeiras/BEC
Hino do Palmeiras

I
Nossos onze "foot-ballers"
Que defendem nossas cores
São felizes quando jogam
E felizes nos amores
Estribilho:
Nossos beques são trincheiras
O "Gol-Keeper" que parede
Tanto os "halfes", como a frente.
Mandam bolas para a rede

II

O verde-branco esperançoso
De uma vitória, conquista com lealdade
Irá lutando sempre orgulhoso
De ser no esporte o orgulho da cidade.
Inaugurou seu estádio no dia 3 de junho de 1927, com muita festa.
ESTÁDIO
Texto de :Adalberto Jorge Klüser, conversa que teve com Tesoura Júnior.
“Uma das histórias que mais demonstra o amor pelo clube, ocorreu em 1948. O campo do Palmeiras não tinha as dimensões oficiais e a cerca – o “alambrado” da época - em volta do gramado era precária. Os jogos pela Liga Blumenauense eram disputados no estádio da Baixada, na Alameda Rio Branco.
Terminado o turno do campeonato, o mando do próximo duelo com o Olímpico era do Palmeiras. Mas a diretora grená não quis mais ceder o campo.
Indignação dos palmeirenses. O então abnegado presidente Germano Beduschi tomou a frente e garantiu: “Jogaremos domingo em nosso campo!”.
Espanto geral! Mas houve uma mobilização de funcionários da empresa de Beduschi. Caminhões com madeira, trator e uma equipe de operários e torcedores do Palmeiras transformaram o velho campo num formigueiro de trabalhadores.
O objetivo era deixar o campo em condições de jogo. Trabalhou-se dia e noite. Até luzes foram instaladas para o trabalho noturno. Os trabalhos começaram na quinta-feira. No domingo pela manhã, o representante da Liga fez a vistoria: aprovado.
À tarde, os torcedores foram aglomerando-se em volta da cerquinha de madeira em volta do campo. Ainda ouvia-se o barulho de alguns martelos arrebitando os últimos pregos.
O campo, que três antes não havia sequer condições para treinos, estava pronto para o um dos maiores clássicos do Estado.
Ao final dos 90 minutos os palmeirenses tiveram mais um excelente motivo para ficarem orgulhosos: Palmeiras 4 a 0 no Olímpico.
Foi de fatos como esse que se construiu a história do Blumenau. O que diriam estes operários e torcedores ao passar hoje pela Alameda?
Hino do Blumenau E.C.
O VERDE DA ESPERANÇA,
O VERMELHO DA EMOÇÃO,
O BRANCO DA PUREZA,
SÃO AS CORES DO NOSSO CORAÇÃO.
DA BLUMENAU QUERIDA, DO VALE DO ITAJAÍ.
O PAVILHÃO VERDE, VERMELHO E BRANCO,
VEIO A TODOS UNIR.
O PAVILHÃO VERDE, VERMELHO E BRANCO,
VEIO PRA FICAR E VENCER.
O VERDE DA ESPERANÇA,
O VERMELHO DA EMOÇÃO,
O BRANCO DA PUREZA,
SÃO AS CORES DO NOSSO CORAÇÃO.
MEU BLUMENAU GUERREIRO, DO VALE DO ITAJAÍ.
COM DISCIPLINA, BRAVURA E TALENTO,
ROLANDO A BOLA NO CHÃO,
COM DISCIPLINA, BRAVURA E TALENTO,
VEIO PRA SER CAMPEÃO.
COM DISCIPLINA, BRAVURA E TALENTO,
ROLANDO A BOLA NO CHÃO,
COM DISCIPLINA, BRAVURA E TALENTO,
VEIO PRA SER CAMPEÃO.
LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ
História:
- Fundado em 19/julho/1919 com o nome de Brasil Football Club (1919-1936), mudou em 1936 para Recreativo Brasil Esporte Clube(1936-1944) e após a 2ª Guerra, passando a se chamar Palmeiras Esporte Clube(1944-1980).  O Primeiro jogo com o nome de BEC foi no dia 31/agosto/1980 contra o Joaçaba, no estádio Aderbal Ramos da Silva. O placar foi BEC 1x0 Joaçaba, gol de Cabinho.Somente em 1980 passou a ter o nome de Blumenau Esporte Clube (1980-2004). A partir de 2006, o clube passou a ser chamado provisoriamente de Blumenau Sport Club enquanto a questão judicial da marca BEC é resolvida. As cores oficiais do time são; Verde, Grená e Branco, simbolizando a união das duas equipes clássicas Palmeiras (que usava verde e branco) e Olímpico (que usava grená e branco).

Palmeiras 1971 - Foto enviada por Tarcisio Torres
Em pé da esquerda para a direita: Brito, Duía,Leme, Adão, Coral e Alvacir.
Agachados: Zinho, Nelson, Sérgio, Luis Carlos e Tarcisio.
Foto enviada por Pedro da Silva "Pedrão".
Palmeiras E.C. 1979 Em pé : (E) para (D) Valmir, Nilson, Pedrão, Dito-Cola, Saulo, Valmir:
Agachados: Miltinho, Márcio, Braúlio, Kituta e Ednei.
Após outra tentativa frustrada de trazer o BEC de volta, ficou incerto o destino do clube. Isso até a mobilização de sua torcida e a troca da razão social do Sport Club Madureira, campeão de 2004 do futebol em Blumenau, em 2006 para Blumenau Sport Club (procurou-se restabelecer o BEC, mas a marca ainda não foi liberada totalmente e corre em processo).Enquanto isso, o Blumenau Sport Club entra para disputar a Divisão de Acesso do Campeonato Catarinense (competição essa que já havia sido disputada pelo Madureira em 2005), ganhou o returno da competição e disputou o quadrangular final com Videira, Camboriuense e Maravilha em turno e returno, mas infelizmente acabou sendo eliminado.
Em 13 Março de 2013 o BEC volta as atividaes e vai disputar a 3ª divisão.
- 2013 Foi vice-campeão estadual

“NOSSA HISTÓRIA CONTINUA” 
Site Amigos do BEC: www.amigosdobec.com.br
Facebook Amigos do BEC: www.facebook.com/AmigosDoBec
Site oficial do BEC: www.blumenauesporteclube.com
O BEC em 1989 : em pé - Silva, Leandro, Alaércio, Gassem , Derval, e Sidney - Agachados Osmair, Serginho, Mirandinha, César Paulista e Cid.
_________________________________________
Títulos:
Campeonato Catarinense


- 1987 Campeão (2ª Divisão)
Vice-Campeonatos
· Como Brasil F.C.: 1927,1928 e 1932
· Como Palmeiras E.C. 1947, 1955 
· Como Blumenau E.C.: 1988 (1ª Divisão) e 1993 (2ª Divisão)
- BEC foi campeão catarinense de juniores de 1982
 LBF = Liga Blumenauense de Futebol
Campeonatos:
· 1941, 1942 (Brasil) ,  Palmeiras :1944, 1945, 1946, 1947,1948,1950 e 1955
Vice-Campeonatos:
· 1949 e 1953
Outros Títulos:
Campeão:
- Torneio Centenário (1950) - Campeão Invicto (como Palmeiras E.C.)
· Torneio Cidade (1950) (como Palmeiras E.C.)
· Toneio Extra 'Ministro Galotti' (1955) (como Palmeiras E.C.)
· Torneio Incentivo (1979) (como Palmeiras E.C.)
Vice-Campeão
· Toneio Extra 'Ministro Luiz Galotti' (1954) (como Palmeiras E.C.)
Foto do Sestrem enviada por mim (Adalberto Day) ao jornalista Everton Siemann, do jornal FolhadeBlumenau 18/19/julho/2009.

Almanaque do Esporte

De Primeira

No final de semana que o Blumenau Esporte Clube (BEC) completa 90 anos de fundação, a homenagem da coluna vai para um dos personagens que melhor traduz a relação entre torcedor e o time: o saudoso radialista Rodolfo Sestrem. O "Galo", como era carinhosamente conhecido pelo público e pelo pessoal da imprensa, se foi em 2002 após uma parada cardíaca , mas deixou o legado. Entre as diversas pérolas que Sestrem deixou marcadas na memória do blumenauense, o giro do placar, para mim, sem sombras de dúvidas, é o mais marcante. Quem não se lembra do bom e velho "tempo e placar no Déba"?
13 de março de 2013 o BEC retorna para disputar a terceira divisão.
Primeira partida na terceira divisão no SESI 03 de agosto de 2013
BEC 0 x 1 Internacional de Lages.
Arquivo : José Geraldo Reis Pfau ,Adalberto Day/, Amigos do BEC/ MAICON NABIL CHARTOUNI, MARCO AURELIO TANNER, MICHAEL JACKES

8 comentários:

Anônimo disse...

Meu caro Adalberto,

Parabéns pela matéria no dia do futebol não poderia ser mais importante a lembrança do Brasil, Palmeiras e BEC. Eu cheguei a jogar no Estádio Aderbal Ramos da Silva quando a nova arquibancada (lateral) ficava afastada do campo de jogo. Logo a seguir puxaram o campo mais para o lado do Ribeirão Garcia e aí ficou até ser leiloado e demolido. A história deveria contar que Palmeiras e Olimpico transformaram-se num só clube o Blumenau Esporte Clube. Eu estava ausente (trabalhava em São Paulo) quando o BEC com excelentes condições financeiras - graças ao comércio e indústria - veio ao mundo. Dalí até sua extinção muita coisa aconteceu. A não conquista de títulos tenho a impressão foi a principal causa do afastamento dos empresários. Hoje persistem como você enumera os torcedores do BEC que querem a volta do clube. Acho que solucionando as questões jurídicas isso devria ocorrer já que o Metropolitano também não decolou. Mas um lembrete pela experiência de 45 anos como jornalista esportivo: Construam primeiro um estádio para futebol e depois faz o projeto BEC fluir.
Em tempo: Hoje não vou a churrasco algum. Agora meio dia em São Paulo estou me preprando para ir ao Morumbi transmitir o clássico dos desdesperados - São Paulo vs. Santos - pela Rádio Record. O tempo está encoberto e a perspectiva é de queda ainda maior da temperatura, afinal estamos no inverno.
Edemar Annuseck
Rádio Record - AM1000 - SP

Anônimo disse...

Excelente artigo. Parabéns!

Adalberto Klüser

Mauricio disse...

Parabéns, Adalberto. Que a data sirva como um momento de reflexão sobre a falta que o BEC nos faz. Abraços.

KINHA disse...

Olá!
É... Blumenau é realmente linda! Eu amo Santa Catarina, e gosto tanto que casei com um.Estou aqui para fazer-lhe uma proposta, que eu considero interessante.Também sou TOP 100 e estou concorrendo na categoria "VARIEDADES" e estou na campanha "UM VOTO POR UM VOTO".O legal disso tudo é essa interação,eu conheço seu blog e vc, o meu.Já votei no seu e sei que também que receberei seu voto.
Estou te seguindo e se quiseres me seguir, ficarei honrada.O blog AMIGA DA MODA está comemorando sua 100º postagem.Venha apanhar um brinde, com assinatura de um design.Sua presença é muito importante para nós.
Obrigada

José Geraldo Reis Pfau disse...

Adalberto
Parabéns novamente pela bela pesquisa de material sobre algumas glórias do nosso futebol.
José Geraldo Reis Pfau

Valdir Appel disse...

Beto,
Já comentei em outras oportunidades que acho um absurdo Blumenau não ter um representante a altura da cidade. Pra quem já teve Palmeiras, Olimpico, Guarani, Amazonas e outros, deve ser doloroso sofrer para um Metropolitano da vida.
E o empresariado como fica nesta história?
Inacreditavel o blumenauense torcer por clubes do Rio/Sampa.

Juarez disse...

Parabéns Sr. Adalberto, pela matéria. O BEC mora no meu coração assim como no coração de milhares blumenauense.

Um grande abraço do amigo

Juarez Bornhausen

Pedro disse...

pedrolizandro @adalbertoday excelente artigo, Prof. Adalberto... Saudades do BEC!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...