"A Educação é a base de tudo, e a Cultura é a base da Educação"

Seja Bem-Vindo e faça uma boa pesquisa!

sábado, 14 de julho de 2012

- O Passageiro em 1º lugar

Mais de meio século
Parabéns A Empresa de Transporte Coletivo Nossa Senhora da Glória pelos serviços prestados  em prol de nossa coletividade.
A Empresa de transporte coletivo Nossa Senhora da Glória, sito atualmente como sede na Rua 2 de Setembro 3673, no Bairro Itoupava Norte, iniciou suas atividades no Bairro Garcia em Blumenau. 
- O Papa Fila -
História
A Empresa Nossa Senhora da Glória Ltda, iniciou suas atividades em 15/07/1962, quando seus fundadores Srs. Luiz Sackl (falecido), Francisco Sackl Netto (falecido), Waldemar Sackl (falecido) e Luiz Sackl Junior, mediante uma transação comercial com os proprietários da Empresa Ulrich, assumiram as linhas Garcia-Blumenau. Três anos mais tarde, associavam-se à empresa os Srs. Francisco Sackl (falecido) e Adolfo Sackl (falecido). As estradas eram esburacadas, empoeiradas e lamacentas, principalmente as Ruas Amazonas e Glória, por esse motivo à empresa de ônibus “Empresa Coletivo Ultich Ltda.” (antes existiam outros particulares que faziam transporte urbano), negava-se a realizar esse trajeto.
- A imagem da Rua Amazonas na Entrada da Rua Antonio Zendron, mostra o ônibus que era carinhosamente chamado de o "Gostosão" na década 50 do séc 20.
Monobloco 1968
- A partir de 1962, a família Sackel inicia suas atividades na Rua Amazonas nº 1857 com um micro, cinco ônibus e implantam a Empresa Nossa Senhora da Glória, tendo como primeiro trajeto do Bairro Garcia e Glória, até o centro, no antigo colégio Luiz Delfino – depois Fórum, próximo a atual prefeitura. A empresa tinha como garagem e instalações em frente à subida do antigo Goth – Colégio Comendador Arno Zadrozny na Rua Amazonas nº 1857.
Os primeiros motoristas e cobradores eram os próprios donos Luiz, Waldemar, Francisco, Adolfo Sackl, mas os primeiros contratados foram Carlos Soares (Calinho) e Ivo. O nome Glória surgiu de um encontro no restaurante do Sr. José Silvino na Rua da Glória, além da família Sackl, o Frei João Maria e outros moradores da comunidade estavam presentes, e então foi sugerido o atual nome da empresa em homenagem a Igreja Nossa Senhora da Glória – que seria também uma espécie de padroeira.
A empresa de ônibus Nossa Senhora da Glória foi vendida para uma holding chamada Urca – Urbano de Campinas Ltda, cujo proprietário reside em Minas Gerais, onde teria outras empresas de transporte coletivos.
Fundada em 1962 pela família Sackl foi vendida  dia 1º de agosto de 2013.
A E.S. da Glória, foi um tipo de porteira com o comprador assumindo integralmente o ativo e passivo contábeis.  A Glória transporta 2,1 milhões de passageiros mensais.
Dia 24 janeiro de 2016 encerra as atividades da Glória e outras empresas do consórcio SIGA. Decreto do Prefeito Napoleão Bernardes um dia anterior.
Arquivo Dalva /Adalberto Day

9 comentários:

Sinucasclub disse...

Parabens a Empresa Nossa Senhora da Gloria, fazer 50 anos de atividades nos tempos de hoje é algo raro de ver.

Djalma disse...

Tenho 52 anos, portanto posso dizer que vivênciei muintas coisas desta empresa. Este ônibus 16 ai da foto em que muintas vezes me levou ao Colégio Luiz Delfino, os motoristas Calinho, Ivo, Raul e muinto tantos outros que conduziam suas linhas. O famoso PAPA-FILA , os monoblocos com seus acentos confortaveis, e por ai vai. Bela homenagem

Wieland Lickfeld disse...

Grande Adalberto, grato por nos recordar do aniversário da Glória. Lembro do modelo monobloco que fazia a linha Araranguá-Vila Nova, que utilizava quando morei, por um curto período de tempo, na Rua Joinville. Foi na virada da década de 1960 para a de 1970. Recordo também de um ônibus que foi batizado de Scalabrino. Ficava estacionado na Rua das Palmeiras. Recordo também que no passado alguns ônibus tinham o escapamento no alto. Parabéns à Glória! Um grande abraço e votos de força e saúde!

Dickmann disse...

Dickmann ‏
Adalberto Day parabéns pela matéria dos 50° da Gloria

Valdir Appel disse...

Beto, gostaria de dizer que estou muito feliz com o teu retorno à coluna. Não importa o assunto, porque tudo que você publica é relevante.Grande abraço, saude e sucesso sempre.

Silvio disse...

Adalberto
Sei que devo para muita gente e até para mim mesmo. Sei que um dia irei e ficarei devendo para aqueles que esperam mais de mim. Sei que não posso ser condenado se não provar que não desperdiçei minha vida e sim, procurei servir. Ao irmão, ao filho, ao pai, ao amigo.
Mesmo com minha acomodação e meu cansaço pelos desafios, sei que você sim! é grande. É orgulho para aqueles que apreciam nossa cultura, nossa tradição e nossa história.
Assim! Tenha minha energia e daqueles que estão comigo.
Um abraço do amigo Silvio Kohler

Paulo disse...

Adalberto,

Seus email são anciosamente aguardados, revivendo momentos de nossa história e valorisando o nosso presente.

Dos tempos de criança ainda lembro das vigens de trem de Blumenau a Rio do Sul, para visitar a Tia Mafalda e o Tio José, lá pelos anos 60. Guardo com ternura e com muita saudade estes momentos. Poderíamos ainda dispor deste eficiente meio de transporte e tê-lo como mais um atrativo turístico - quem sabe, um dia ainda teremos o poder público em conjunto com o privado redescobrindo as ferrovias.

Tenho o arquivo anexo com diversas fotos sobre ferrovias na região do Vale do Itajai (não me recordo de quem o recebi).
Vale a pena ver, divulgar e guardar.

Uma boa noite a todos.

Paulo Rogério Pedrini

Valdir Salvador disse...

õi Adalberto espero que este ema-il va encontrar voce e familha com a maior felicidades deste mundo pois voce bem merece,quanto a E.N.S. da gloria sem comentario pois todos tambem tem vontade de espreçar seus agradecimentos por tudo que os mesmos tem feito por Blumenau,mas eu gostaria de ler desde o inicio como o tempo da familia Ziegler, que o dono e a esposa mesmo que dirigia e era a cobradora, pendurada na porta do onibus para que seus clientes desembarcasem sem pagar,os anibus se pouco me lembro eram da cor marron igual aos que servião o Bairro das Itoupava Seca, dos Wolfram. parabens abraços. Valdir Salvador.

NETIONS disse...

Venho comunicar que Carlos Soares hoje passa a viver nos céus. Esse homem guerreiro e meu amigo de pesca.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...