"A Educação é a base de tudo, e a Cultura é a base da Educação"

Seja Bem-Vindo e faça uma boa pesquisa!

terça-feira, 19 de fevereiro de 2008

- Empresa Nossa Senhora da Glória



- A Empresa de transporte coletivo Nossa Senhora da Glória sito atualmente como sede na Rua 2 de Setembro 3673, no Bairro Itoupava Norte, iniciou suas atividades no Bairro Garcia em Blumenau.

- O Papa Fila -
A Empresa Nossa Senhora da Glória Ltda, iniciou suas atividades em 15/07/1962, quando seus fundadores Srs. Luiz Sackl, Francisco Sackl Netto , Waldemar Sackl e Luiz Sackl Junior, mediante uma transação comercial com os proprietários da Empresa Ulrich, assumiram as linhas Garcia-Blumenau. As estradas eram esburacadas, empoeiradas e lamacentas, principalmente as Ruas Amazonas e Glória, por esse motivo à empresa de ônibus “Empresa Coletivo Ultich Ltda.” (antes existiam outros particulares que faziam transporte urbano), negava-se a realizar esse trajeto.

- A imagem da Rua Amazonas na Entrada da Rua Antonio Zendron, mostra o ônibus que era carinhosamente chamado de o "Gostosão" na década 50 do séc 20.
História
Monobloco 1968
Acervo: Everaldo Vedes 
- A partir de 1962, a família Sackel inicia suas atividades na Rua Amazonas nº 1857 com um micro , cinco ônibus e implantam a Empresa Nossa Senhora da Glória, tendo como primeiro trajeto do Bairro Garcia e Glória, até o centro, no antigo colégio Luiz Delfino – depois Fórum, próximo a atual prefeitura. A empresa tinha como garagem e instalações em frente à subida do antigo Goth – Colégio Comendador Arno Zadrozny na Rua Amazonas nº 1857.Os primeiros motoristas e cobradores eram os próprios donos Luiz, Waldemar, Francisco, Adolfo Sackl, mas os primeiros contratados foram Carlos Soares (Calinho) e Ivo. O nome Glória surgiu de um encontro no restaurante do Sr. José Silvino na Rua da Glória, além da família Sackl, o Frei João e outros moradores da comunidade estavam presentes, e então foi sugerido o atual nome da empresa em homenagem a Igreja Nossa Senhora da Glória que seria também uma espécie de padroeira.
A empresa de ônibus Nossa Senhora da Glória foi vendida para uma holding chamada Urca – Urbano de Campinas Ltda, cujo proprietário reside em Minas Gerais, onde teria outras empresas de transporte coletivos.
Fundada em 1962 pela família Sackl foi vendida  dia 1º de agosto de 2013.
A E.S. da Glória, foi um tipo de porteira com o comprador assumindo integralmente o ativo e passivo contábeis.  A Glória transporta 2,1 milhões de passageiros mensais.
Dia 24 janeiro de 2016 encerra as atividades da Glória e outras empresas do consórcio SIGA. Decreto do Prefeito Napoleão Bernardes um dia anterior.
Ônibus Monobloco
Arquivo Dalva /Adalberto Day

6 comentários:

Anônimo disse...

Ze Pfau diz
O transporte coletivo da cidade da época contemporânea deve muito ao pionerismo de empresas modelo como a Glória. Tive a satisfação de conhecer seus diretores. Estive também com eles e em conjunto com a Volvo Dicave participando do lançamento da idéia do Arquiteto Jaime Lerner criando o sistema de terminais urbanos. Iniciativa que deu inicio a um programa de humanização no transporte coletivo em Blumenau.

Santos disse...

Boa noite amigo Adalberto. Quero cumprimentá-lo pela excelente narrativa sobre a nossa região, muito rica em detalhes e pródiga em conhecimentos, característica da sua personalidade e inteligência. Somos felizes em termos entre nós pessoas que se interessam tão profundamente pela nossa história regional. Parabens pelo belo trabalho.
Abraços do Santos

Eutraclínio Antônio dos Santos
e.a.s30@hotmail.com

Walfrido disse...

Prezado Beto,

Como em todos os Blogs, acho fantástico a maneira como você consegue tão rico conteúdo.
Me chamou muita atenção sobre o assunto dos radialistas esportivos, principalmente o Edemar Annuseck, texoura Junior etc. Infelizmente, Ornélio cavaco e Rudolfo Sestrem já não estão mais conosco. O Ornélio e o Rudolfo eram meus grandes amigos particulares, assim como o Osmar Day, Valter Hiebert, Carlos Hiebert e tantos que lenbro, porém seria demorado numera-los.
Beto, que tal você conseguir algum assunto sobre o time do Horizonte?

Um grande abraço

SDS

Walfrido Bachmann

Adilson Siegel disse...

Adalberto,

Foram muitas e muitas viagens para o colégio Pedro II no centro no novíssimo modelo de ônibus da época. Eu sentava no braço do banco que ficava posto de forma lateral logo atrás do motorista e ficava através de duas borboletas, abrindo e fechando as portas, traseira e dianteira, especialmente no ônibus que o Ivo dirigia. Os motoristas da época, Calinho e Ivo, as principais estrelas da Glória tinham até uma disputa particular de quem colocava mais acessórios (calota, enfeites no pára-brisa) e deixavam os ônibus impecáveis. O Ivo a última vez que o vi estava trabalhando claro, para variar, de motorista na TRANSLOVATO fazendo entregas aqui em Blumenau. E o Calinho já virou ativo imobilizado da Glória pois me parece que continua firme e forte lá prestando serviços ainda.

Eduardo Cunha disse...

Sr. Adalberto Day, boa tarde.

Meu nome é Eduardo Cunha, tenho 58 anos e moro no Rio de Janeiro.
Conforme tópico assunto, deste email, me considero um Historiador Busólogo, ou
seja apaixonado pela história do transporte coletivo, principalmente lotações,
ônibus e ônibus elétricos, brasileiros.
Este hobby, me induziu a partir de uma época, a coletar e guardar informações
sobre empresas existentes na cidade do Rio de Janeiro. Com o tempo, a pesquisa
foi evoluindo para a Baixada Fluminense, posteriormente para todo o estado do
Rio de Janeiro e já a muitos anos a todos os estados brasileiros.
Além da coleta e guarda de informações, me especializei em colecionar passagens
urbanas plásticas, na qual tenho uma infinita variedade. Recentemente adquiri
um lote de fichas do sul do Brasil e entre elas vieram as duas fichas que
anexo.
Quando descobri esta semana seu blog, diga-se de passagem espetacular - parabéns
!!!, contendo a história e informações de Blumenau, pensei em pedir sua ajuda.
Desculpe-me se não for seu interesse ou se não estiver ao seu alcance a
informação que peço. Fique a vontade não me retornar.
Pelo que pesquisei a Empresa Nossa Senhora da Glória e muitíssimo antiga na
cidade, operando o sistema urbano até os dias atuais. Gostaria que o Sr. ao
olhar para as imagens das fichas enviadas, pudesse confirmar - seja pela sua
lembrança ao usá-las ou outra referência qualquer - que as mesmas foram usadas
na cidade, provavelmente na década de 50.
Agradeço muitíssimo sua atenção, mais uma vez, parabéns pelo blog e fico no
aguardo, caso possa me ajudar.
Atenciosamente,
Eduardo Cunha

neu disse...

Chico Sachl era comerciante de peças de veiculos em Taubaté, quando nos anos 60 vendeu tudo e voltou para Blumenau, para criar a empresa Gloria. Na epoca o Dr. Chiquinho era um garoto com seus 12 anos. Ao despedir dos amigos, principalmente dos Wenzel, ele convidava para conhecer Blumenau e a empresa, cuja garagem, ficava perto de uma ponte coberta.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...