“A Educação é a base de tudo, e a Cultura a base da Educação”

Seja bem-vindo (a) e faça uma boa pesquisa.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

- Operário Padrão


A imagem de 1967 mostra Rodolfo Papsto primeiro Operário Padrão do Brasil por Santa Catarina. O trabalhador exercia suas funções na Empresa Industrial Garcia e foi eleito no dia 10 de dezembro de 1967. Em 1971, Antonio Pedro Assini, funcionário da Altona, recebeu a mesma titulação.

No primeiro ano do concurso, em 1965, Leopoldo Ferrari, da Cia Hering, conquistou o prêmio de Operário Padrão de Blumenau e Santa Catarina.
A nota foi publicada no Jornal de Santa Catarina -10 de dezembro de 2007.coluna Almanaque do Vale de Sérgio Antonello.
(Foto: Arquivo de Adalberto Day e Djalma Fontanella
da Silva)

15 comentários:

Anônimo disse...

Por que o Gerhard Kertischka (também detentor do título) não foi citado ?

Meyer

Albany Sampaio Junior disse...

caro Adalberto, meu pai foi escolhido Operário Padrão do Brasil em 1972, o nome dele Albany Camêlo Sampaio. Este ano ele completa 70 anos e estou buscando recuperar dados desse concurso. Tu tens alguma coisa? Sabes como e onde eu posso pesquisar? meu e-mail é albanysampaio@bol.com.br. Grato,

Albany Sampaio Junior

Salete disse...

Salete Silva
Lembro bem dele depois do título desfilou em carro aberto

Sandro disse...

Sandro Luiz Siegel
O meu avô Antônio pitz se aposentou trabalhando na caldeira na empresa Garcia, ele faleceu em 12/08/1974, ele morava na rua Antônio Zendron, bela foto

Catarina disse...

Catarina Tecla Mistura
Boas lembranças e de muito orgulho, não só ao saudoso Sr. Papst mas para todos nós que trabalhava nessa Empresa. foi um dia de festa, de muitas alegrias...Mais uma vez agradeço a você Adalberto por esse relato...

Djalma disse...

Djalma Fontanella
Catarina Tecla Mistura seu Paps, figura muito querida e conhecida. Posso estar enganado, mas foi o primeiro representante da Skol em Blumenau. O depósito ficava ( e ele ainda existe), ali ao lado do Posto do Nenem

Catarina Tecla Mistura
Começou na casa do Sr.Rodolfo, na rua da Glória, depois veio onde o seu filho saudoso Norberto morava nesse endereço da rua Amazonas.

Francisca disse...

Francisca Santiago
Lembro desse dia. Foi muito comemorado no Bairro Garcia.

Arlete disse...

Arlete Bugmann Hasse
Meu pai Egon Bugmann foi representante da Artex naquele mesmo ano...quando o sr Papst ganhou.

Sônia disse...

Sonia Ruth Anton Bauler
Orgulho para nós. Quanta lembrança linda

Henrique disse...

Henrique Santos
Tio Papst linda homenagem e lembrança do Reino do Garcia

Renate disse...

Renate Pereira
Conheci muito bem o saudoso Sr. Papst um homem dedicado ao trabalho, família, e amigos.

Rosangela disse...

Rosangela Papst
Meu vô que orgulho!!! Saudades

Laércio disse...

Laercio Boos
Todas as pessoas que passaram pela EIG e frequentaram a Escola São José, conheceram o Sr. Rodolfo Pabst. Era também um verdadeiro líder comunitário. Estava sempre presente e ligado aos assuntos da escola.

Renê disse...

Renê Rodolfo Papst
Ótimas lembranças do meu avô. Obrigado Adalberto por resgatar a história dos blumenauense ilustres.

Ivonete disse...

Ivonete Poerner
Lembro bem que ele falava que queria muito ir no Pão de Açúcar. Era lá onde iriam ser homenageados os representantes dos Estados.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...