“A Educação é a base de tudo, e a Cultura a base da Educação”

Seja bem-vindo (a) e faça uma boa pesquisa.

quarta-feira, 1 de junho de 2022

- Bistrô 69!

   Horácio Braun e Adalberto Beto Day
A imagem de 1º de dezembro de 2006, mostra o encontro dos leitores da Coluna Horácio no “Santa” jornal Santa Catarina. O encontro foi no Schopping Neumarkt no Bistrô 69 – 3 meses e 23 dias após Horácio Braun faleceu.
Tim-tim, saúde, paz, amor, felicidade e Viva a Vida!
Olho, lho, lho
Saideira “O erro dos reformadores é tentar transformar os maus em bons”.
O “mundo só melhorará quando os bons tiverem a maldade suficiente de impor a bondade”. Pois é né ?.-  E tem gente que acredita que o Pato Donald, é um Pato! sei lá entende.. 

 

Horácio  Braun (*13.06.1949 – +24.03.2007) cronista, agitador cultural, músico, empresário.

Neste dia estava eu e o Horácio, em um “papo de botequim romanceado e verdadeiro, ao pé do ouvido, e ele anotando tudo para sua coluna no “Santa” Jornal de Santa Catarina.

O Flagrante da imagem foi  no instante quando ele  estava me perguntando: Adalberto, tens alguma coisa para postar amanhã? Eu respondi: Tenho, sim. E comecei a citar várias para ele e que algumas não deu tempo de ser publicada devido seu falecimento.

- Adalberto, é verdade que a data de fundação de Blumenau era 28 de agosto 1852 determinada por dr. Blumenau? Sim HorácioEssa foi a data que prevaleceu até o ano de 1899, quando a câmara de vereadores aprovou a mudança para 02 de setembro de 1850  , data esta da suposta chegada dos 17 primeiros imigrantes (em Desterro atual Florianópolis). A mudança ocorre a partir de 1900 quando o é comemorado o cinquentenário da cidade. 

- Adalberto, e sobre os Tuneis? Túneis para “Hitler” escapar? Se esconder quando viesse “morar” em Blumenau. Tudo Mito, Horácio;  As galerias são pluviais e fluviais, construídas desordenadamente sem planejamento e infraestrutura, juntando-se ao longo da colonização e crescimento urbano da cidade. Claro que existem galerias (túneis) em Blumenau. Existem por toda cidade. No centro são conhecidas várias, uma das mais antigas (anterior a posse de “Hitler” na Alemanha) localiza-se em propriedades do Colégio Pedro II, era para conservar alimentos. A localizada no atual Castelo da Havan foi construída para as pequenas embarcações depositarem mercadorias para a antiga Casa de Comércio Altenburg. Esse processo facilitava a entrega das mercadorias, assim possibilitando melhor acesso e sem o perigo de ao subir a barranca do rio (Beira Rio), escorregarem e em consequência a perda da mercadoria junto ao rio. E tantas outras existentes, entre os Colégios Santo Antônio e Sagrada Família, mas não que interligava dando acesso aos padres e freiras se relacionarem. Podem até ter acontecido, mas não nas galerias fedorentas e cheios de baratas, dejetos fecais e outros ... se aconteceu foi em camas quentinhas, e até nos matagais ao redor. 

- Adalberto, outro dia você comentou sobre o Grande Garcia e um cidadão do bairro da Velha, onde eu moro (morava), contestou, fiquei meio assim sabe; então é verdade que o bairro Progresso é o maior da cidade?

- Sim Horácio, é mais de ¼ do tamanho do município. O Progresso tem 9,7Km² na área Urbana + 132Km² na área Rural = 141,9Km² e nosso município sua área é de um pouco mais de 519Km², é fato e ponto! assim como o maior Ribeirão o Garcia com mais de 42Km de extensão e o Ribeirão da Velha, pouco mais de 24Km de extensão. Não nos ensinam nas escolas!

- Adalberto, você comentou que dr. Blumenau e os 17 imigrantes não vieram com o Vapor Blumenau, que está ali na Prainha ... deu um rebu!

- Horácio, o Vapor Blumenau começou a navegar em 1895 até seu final em 1959. Dr. Blumenau retornou para a Alemanha em 1884, portanto nem conheceu o Vapor que empresta seu nome, essa é do tipo “me engana que eu gosto”.

- Adalberto, quanta coisa você me comentou que não aprendi nem no Pedro II. Você também comentou que o Universo não é infinito, claro que não, respondi. É finito o grande Albert Einstein, digamos errou, hoje ele saberia. O Universo possui bordas e está em expansão, infinito é o NADA e este está fora do cosmo. Para mim só existem dois infinitos, os números e o NADA, talvez o AMOR, mas ainda não tenho certeza. Adalberto, também você me comentou que temos todos a mesma idade, mesmo quem ainda não nasceu. Respondi: sim se acreditamos no Big-Bang (a grande explosão), todos e tudo que existe no Universo estava lá neste instante uns 13,7 bilhões de anos atrás, portanto esta é nossa idade.  Então me conta outras para eu ir postando no Santa pois estas vão dar muitas polêmicas.

- Certo Horácio. Vamos lá ... Você sabe o que significa a sigla E.T.N.S. não sei não Adalberto; pois é, Eu Também Não Sei .. Não sabes a resposta?, comentou ele ... respondi, sei sim e já te dei a resposta.

- Horácio você sabe quantas vezes aparece o n. 9 entre os números 01 até100? 12 vezes respondeu ele, ou seja 09. 19, 29, 39, 49, 59. 69. 79. 89. 90. 99 ... não Horácio, até que você foi bem, contou 2 noves no 99. Mas a resposta são 20 vezes, você esqueceu 91, 92, 93, 94, 95, 96, 97, 98.

- Horácio, qual é a sequencia logica depois da letra N? U.D.T.Q.C.S.S.O.N. ... agora você me pegou ... é a letra D, respondi. Ou seja, U de um, D de dois, T de três .... e assim por diante. D de Dez.  Então só para completar qual a sequência depois da letra S? S.T.Q.Q.S.S... ele respondeu D > Bingo, você acertou, D de Domingo.

- Mais uma Horácio, presta atenção, mistura de português com matemática: Qual o correto dizer, a soma de 7+8= Catorze ou quatorze? Tanto faz, ambos estão corretos, porém a resposta é Quinze, retrucou ele. Bingo ... você além de inteligente é esperto, conclui.

- Horácio essa é meio malcriada: A Professora pergunta, Pedrinho quanto são 5+5? Pedrinho começa a contar com ajuda dos dedos, a professora diz, não pode contar pelos dedos. Pedrinho esperto coloca as mãos nos bolsos um estava furado e responde: 11 professora!. Não Pedrinho são 10. O que será que ele contou a mais!

- Horácio, para finalizar. Em uma corrida de F1 , de repente você passa o segundo colocado, em que posição você fica? Depende se você está em primeiro, continua em primeiro, agora se você está em terceiro, passa a ser o segundo.

Vamos lá Adalberto, a Saideira  Tim-tim, saúde, paz, amor, felicidade e Viva a Vida!  Olho, lho, lho

Então vai somando em voz alta Horácio: vamos lá:

1000+20=1020 + 1000= 2020 + 30=2050 + 1000=3050 + 40=3090, finalizando + 1000=4090 + 10= 5000, estava indo tão bem Horácio, pensa bem você sempre foi muito inteligente e criativo .... “caracoles”, respondeu ele: a resposta é 4090? Bingo no Bistrô, você acertou!

Te encaminho outras por e-mail, só me solicitar; conclui.

Saudades deste tempo ... tenho mais de 550 postagens no Santa em diversas colunas, onde escrevi mais foi no saudoso “Almanaque do Vale” por mais de 12 anos.

 Para saber mais acesse:

 Horácio Braun

https://adalbertoday.blogspot.com/2008/03/um-ano-sem-horcio-braun.html

Arquivo de Adalberto Beto Day – Cientista social e pesquisador da história.

5 comentários:

Anônimo disse...

Bom dia! Esse papo rendeu em meu amigo. O nosso saudoso Horácio, Homem q falava o q pensava sem meio termo. Estivemos várias vezes juntos na praia do Gravata,Onde Horácio tinha um sensacional bar a beira mar. Amei! Abraço Querido amigo Adalberto. Não consegui postar com minha conta Google. Seu admirador e amigo Sérgio Luiz Buchmann.

Luis disse...

Parabéns sr. Adalberto.
O senhor carrega uma boa parte da história de Blumenau.
Saudades do Horácio , acho que não existem mais cardápios como do Bistrô
69. Não sei se vendeu algum X mico (pão com banana).

Zuqui disse...

Meu caro Adalberto!!

Que história linda esta, pois conta exatamente o verdadeiro cidadão, sem delongas, sem frescura, ele era assim mesmo. A cada desfile da oktoberfef ele era esperado pelo publico, com sua alegria contagiante. Sempre lí as colunas dele também. Mais uma linda história sem duvidas, parabéns.

Adilson disse...

Muito legal as histórias e causos do Horácio.
O Horácio foi um ícone de Blumenau. Grande figura. O irmão dele, o Rubens, foi muito tempo secretário do Colégio Pedro II também era muito legal.
Adilson Siegel

Wieland Lickfeld disse...

Estimado Adalberto, muito obrigado por nos fazer lembrar desta figuraça que foi Horácio Braun. Ele organizou um livro com memórias da cidade em décadas passadas: "BLUMENAU, ALLES BLAU". Parece que a intenção era publicar um segundo volume, mas creio que isso não se concretizou. Participou também de grupos musicais irreverentes que animaram muitas madrugadas, como Jaz em Paz e Amanhece Bom Jesus. E quem não se lembra do saudoso Bistrô 69, palco do seu relato? Foi um empreendimento ousado, inovador em sua época. A alta escada que corria lateralmente à frente do enorme armário de bebidas, remetia às escadas de acesso às prateleiras superiores de tradicionais casas comerciais, há muito extintas, como a Cia. Mercantil Victor Probst. Grande abraço e votos de saúde e força!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...