"A Educação é a base de tudo, e a Cultura é a base da Educação"

Seja Bem-Vindo e faça uma boa pesquisa!

sábado, 29 de novembro de 2008

- A curva do cemitério no Progresso em Blumenau

Clique na foto para ve-la ampliada
- A imagem batida pela força aérea Brasileira (Prefeitura de Blumenau), mostra uma panorâmica geral da Rua Progresso logo após a curva do cemitério. Na parte superior cemitério (curva) empresa Coteminas Ruas Emilio Tallmann, Amazonas e Glória em Blumenau. Pela imagem observa-se que existe apenas meia pista da Rua Progresso após ter sido feito os trabalhos de desobstrução da rua. Abaixo o Ribeirão Garcia ainda barrento, aos poucos retornando ao seu nível normal. A Rua em primeiro plano é a Rua Julio Heiden, que também foi seriamente atingida próxima à igreja Quadrangular, no final da avenida.
As três casas e logo após o morro, com vegetação intacta, a nossa residência é a do meio que aparece atrás com muro em tijolinhos.
Estas fotos mostram o exato momento da colocação pelo exercito de uma ponte móvel , na Rua Germano Roeder, próximo a Associação Artex, para dar acesso as Ruas Emilio Tallmann, Júlio Heiden e Rui Barbosa. Rua Germano Roeder onde foi construída a ponte movél, a esquerda Comercial Rulenski. A direita é a Associação Artex
Adendo: Desde ontem 29/nov./08, a partir das 19h25min até pouco depois das 00h05minmin hoje domingo 30/nov./08, chuvas torrenciais em toda Blumenau. Em nossa região do Progresso neste local que mostra a imagem (em primeiro Plano), novos e assustadores deslizamentos de terras e árvores até por volta das 02h00min
A imagem mostra a partir das 08h00min, domingo 30, sendo retiradas as grandes árvores que desabaram juntamente com muito barro. Em toda cidade novos desabamentos e cheias, como no bairro Fortaleza e Glória.
Obs: em 12,13,14/janeiro de 2011, chuvas intensas, precipitações de grande vulto provocam  a maior tragédia Urbana no Brasil - ocorre na região serrana do estado do Rio de Janeiro - Nova Friburgo, Teresópolis e Petrópolis com algumas centenas de vitimas fatais.  As cidades mais atingidas são Teresópolis, Nova Friburgo, Petrópolis, Sumidouro e São José do Vale do Rio Preto. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), choveu cerca de 300 mm em 24 horas na região.
Arquivo : Adalberto Day

3 comentários:

ANGEL Tostes disse...

Caro Adalberto,
É estarrecedora as postagens que vemos aqui, tragédias que nos fazem ficar sem ação. Temos visto várias reportagens e notícias, então resolvi vir perguntar ao amigo como está a situação quando me deparei com esse quadro apresentado, que nenhum tv apresentou tão claramente.
Colocamo-nos à disposição por qualquer ajuda que possa oferecer, mesmo estando distante.
Abraços
Angeline Coimbra
Niterói-RJ

Anônimo disse...

Olá Adalberto, vc pode me dizer como esta o tempo em blumenau nesse momento...e como esta a região do progresso em relação a rua? tem acessos? como estão as coisas? Obrigada
Anailu

Elton Gomes disse...

OLÁ ! Adalberto, Muito interessante sua postagens, visite também meu Blog.

http://www.caosemblumenau.blogspot.com

Até mais, Bom Natal, e Feliz Ano Novo !

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...