"A Educação é a base de tudo, e a Cultura é a base da Educação"

Seja Bem-Vindo e faça uma boa pesquisa!

terça-feira, 17 de maio de 2016

- José Bonifácio da Cunha

Em história de nosso cotidiano: personagem importante na história de Blumenau.
JOSÉ BONIFÁCIO DA CUNHA. VOCÊ SABE QUEM FOI?



Por Carlos Braga Mueller/Jornalista e escritor em Blumenau (foto). 

********************

Quem passa pela Alameda Rio Branco, em Blumenau, vai vislumbrar uma rua transversal, próximo ao Clube Grêmio Esportivo Olímpico. Não tem mais que 100 metros, é pequena para homenagear quem tanto representou para o município em determinada época de nossa história. É a Rua Bonifácio da Cunha.
Nome: José Bonifácio da Cunha

Mandato: 1890 – 1891 e 1899 – 1903
Motivo: 1892 – eleito Superintendente 1º/04 a 7/04/1892 e 1898 - 1903

Mas afinal,  quem foi Bonifácio da Cunha ?
Primeiro, queremos lembrar que seu nome completo era José Bonifácio da Cunha.
Logo após a Proclamação da República, em 1889, foi o primeiro Intendente de Blumenau (1890/1891).  Depois assumiu a Superintendência do Município (janeiro a abril de 1892).
Mais tarde, elegeu-se Superintendente de Blumenau e governou o município de 1899 a 1902.  Além disso, foi Deputado Estadual em diversas legislaturas, numa época em que se podia ser Superintendente (cargo hoje equivalente a Prefeito) e Deputado ao mesmo tempo.
Nascido em Santo Amaro da Purificação, na Bahia, e formado pela Faculdade de Medicina de Salvador, Bonifácio Cunha fez parte da expedição Madeira-Mamoré. Pelos assinalados serviços prestados na missão  o Governo lhe conferiu a Ordem de Cristo. Adoeceu nessa comissão e em busca de clima mais ameno veio para Blumenau em 1885. A princípio não se envolveu em questões políticas. Dedicava-se inteiramente à medicina, conseguindo em pouco tempo a simpatia da população. Era músico e tocava contrabaixo em orquestras locais. Aprendeu logo o alemão.  Casou com uma jovem de sobrenome alemão.
Mas tão logo foi proclamada a República, Bonifácio e o também baiano Vitorino de Paula Ramos, Comissário de Terras, apareceram no cenário político como extremados republicanos.
As Câmaras  Municipais, que até então governavam os municípios, foram dissolvidas e em seu lugar criadas as Intendências. Coube a Bonifácio da Cunha ser nomeado Intendente e ocupar em seguida  a Presidência do Conselho de Intendência de Blumenau.
Um dos seus primeiros atos foi mudar o nome de algumas ruas. A do Itajaí passou a chamar-se 15 de Novembro. A do Imperador (Kaiserstrasse)  tomou o nome de 7 de Janeiro (hoje Alameda Rio Branco); a Alameda Wendeburg passou a ser 15 de Dezembro e a Rua do Hospital (hoje Rua Itajaí) mudou para 13 de Maio. Neste período enfrentou severa oposição de monarquistas, entre os quais se destacaram o naturalista Fritz Müller e o Padre José Maria Jacobs.
Contar a história de José Bonifácio da Cunha ocuparia um livro de mais de cem páginas.
Segundo o saudoso historiador José Ferreira da Silva, Bonifácio da Cunha foi uma das figuras mais expressivas  da história de Blumenau.
Como Deputado Estadual integrou,  na Assembleia Legislativa,  a Constituinte de 1894, que outorgou ao Estado sua primeira Constituição.
No seu segundo mandato de Superintendente viu os fogos e rojões anunciarem o início do Século 20,  e também promoveu as comemorações do cinquentenário do Município de Blumenau em 1900.
É, pois, com muito respeito que podemos afirmar: José Bonifácio da Cunha foi um exemplar governante de Blumenau; um baiano que abriu seu coração para a cidade que, com muito amor, adotou como sua.
Texto e pesquisas de Carlos Braga Mueller/Jornalista e escritor em Blumenau.
Todos os prefeitos de Blumenau:

5 comentários:

Nillton Sergio Zuqui disse...

Meu caro Adalberto,
Veja vc,em terra de alemães um baiano veio a governa-la.Um tanto irônico nos dias de hoje,mas para época penso que se observavam muito o conhecimento, certamente não havia os ciúmes de homens que se tem hoje em nossa política. Mais uma bela história, parabéns.

Antunes disse...

Belo exemplo de vida.
Parabéns ao companheiro Carlos Braga Mueller e a você pela publicação.
Antunes Severo

sergio luiz buchmann disse...

JOSÉ BONIFÁCIO DA CUNHA um Homem com historia, por inúmeros atos ,e benfeitorias a Cidade de Blumenau.Penso eu q deveria ter um nome de Rua sim mais com maior destaque. Penso também que JOSÉ BONIFÁCIO DA CUNHA deveria ser muito citado no cenário politico como um exemplo a ser seguido. Talvez com exemplos assim nós teríamos uma politica séria e respeita pelo povo Brasileiro que esta bem desacreditado. Um grande abraço, e obrigado sempre.

Marilene disse...

Acho que preciso conhecer Blumenau. E que seja durante um verão!

Anônimo disse...


Olá Sr. Adalberto Day:

Quem me informou sobre uma possível ajuda, foi o Sr. Antunes, do Instituto Caros Ouvintes.

Faz uns 30 anos, eu gravei um áudio para um comercial de rádio para o município de Blumenau-SC, que promovia a Oktoberfest de Blumenau.
O texto era basicamente este: “...um beijo da loira Blumenau (locução masculina): Ein Kuss Mein Schatz (minha locução)”
Este comercial rodou por muitos anos naquela cidade.
Hoje, tantos anos mais tarde, eu também fiz parte de uma reportagem que me mostra como a personificação de Curitiba.
Trabalho em eventos já há três décadas. Neste ano de 2016, estamos realizando um sonho, o de termos a Oktoberfest passando alguns dias aqui (8 à 11/09/2016).
Gostaria de saber qual o caminho que eu devo seguir, para tentar recuperar o áudio deste comercial?
A página de nosso evento é a seguinte: https://www.facebook.com/events/1789236264696432/
No aguardo de seu retorno, e à disposição para esclarecimentos, despeço-me,

Cordialmente;

Susan Renée Klein - 41 9236-9676 / susanklein@aloeventos.com.br

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...